Em Palmital/PR – Promotoria de Justiça denuncia professor de artes marciais por estupros, ameaças e assédio sexual contra duas vítimas

 Em Palmital/PR – Promotoria de Justiça denuncia professor de artes marciais por estupros, ameaças e assédio sexual contra duas vítimas

Portal na chegada de Palmital/PR

O Ministério Público do Paraná, por meio da Promotoria de Justiça de Palmital, no Centro-Sul do estado, ofereceu denúncia criminal contra um professor de artes marciais pelos crimes de estupro, assédio sexual, submissão de adolescente a constrangimento, ameaças e fornecimento de bebida alcoólica a adolescente.

Os crimes teriam sido cometidos, supostamente, contra duas vítimas, de 14 e 15 anos de idade, entre os anos de 2018 e 2020. O réu está preso preventivamente, e o processo corre sob sigilo para preservação das vítimas.

Processo número 0000573-98.2021.8.16.0125 (sob sigilo).

Informações para a imprensa
Assessoria de Comunicação
comunicacao@mppr.mp.br