Dois veículos foram apreendidos em Santa Maria do Oeste, após confusão com a PM

 Dois veículos foram apreendidos em Santa Maria do Oeste, após confusão com a PM

Por volta das 20h10min dia 15 de fevereiro de 2021, durante patrulhamento pelo Bairro Santo Antônio, na Rua Projetada E, próximo a caixa d’água da Sanepar, foi visualizado uma motocicleta Honda Tornado, de cor amarela, sendo que o passageiro estava sem capacete, foi dada voz de abordagem, sendo que o condutor não acatou e empreendeu fuga em alta velocidade, desrespeitando as normas de transito, fazendo manobras perigosas, colocando em riscos pedestres e transeuntes.

Na Rua José de França Pereira, adentrou um terreno, e tentou se homiziar em meio a vegetação, momento que foi possível realizar a abordagem do condutor de 20 anos, já que o passageiro de 21 anos empreendeu fuga, não sendo possível realizar a abordagem. Neste momento, chegou ao local os genitores do condutor, tentando a todo momento interferir na abordagem, na tentativa de desvencilhar o seu filho da equipe policial, não acatando as ordens claras de se afastar, o pai interviu na ação, com xingamentos contra os policiais, que após muita conversa, foi acalmado os ânimos, e estes concordaram em serem conduzidos para o Destacamento de Polícia Militar para a lavratura do termo circunstanciado do condutor.

O rapaz, já estava no banco de traseiro da viatura, momento que seu pai de 49 anos, começou a desacatar a equipe, nesse momento foi dada voz de prisão, mas que este utilizando de agressão física investiu contra a equipe, sendo que foi repelida a injusta agressão, com técnicas de imobilização momento que seu filho saiu da viatura e atacou os policiais, foi imobilizado o indivíduo.

Neste interim, outro indivíduo de 51 anos com sinais de embriagues, chegou ao local, dirigindo seu veículo particular e também atacou os policias com socos, na tentativa de evitar que seus parentes fossem presos, o homem posicionou seu veículo Fiat/Strada, de cor branca, de forma a impedir a saída da viatura policial, inclusive retirando a chave da ignição. Também uma mulher de 52 anos começou a denegrir a imagem dos policiais.

Posterior com a chegada do apoio policial, todas as pessoas acima elencadas, foram conduzidas a 45ª DRP. Sendo feito a apreensão dos dois veículos acima citados.

Na delegacia foi oferecido o teste de etilômetro a ambos os condutores, acima identificados, sendo que o condutor da motocicleta, se submeteu ao teste, dando como resultado 0,00 mg/l; e o condutor da Strada se negou a realizar o teste, sendo preenchido o auto de constatação de embriagues alcoólica.

Foram feitos exames de lesão corporal em ambos os policiais que apresentam lesões nos braços, pernas e cabeça. Ressalta-se que também foi realizado o exame em um dos envolvidos que estava com escoriações na cabeça, resultante da sua resistência.

Realizado vistoria no camburão da viatura, contatou-se danos na parte interna e o causador do dano foi o condutor da motocicleta enquanto estava detido.