Preso em Palmital após ameaçar a ex e seus filhos de morte com um facão, furtar seu celular, ameaçar e investir contra os policiais

 Preso em Palmital após ameaçar a ex e seus filhos de morte com um facão, furtar seu celular, ameaçar e investir contra os policiais

Portal na chegada de Palmital/PR

No domingo, dia 07 de novembro de 2021, a equipe policial foi solicitada por uma mulher a qual afirmava que foi ameaçada pelo seu ex-convivente de 40 anos. Em contato com a mesma, a qual relatou que discutiu com o referido homem em sua casa, e que o mesmo a havia ameaçado, sendo que saiu de casa e foi até sua vizinha.

A equipe acompanhou a mesma até sua residência onde o autor não foi localizado. A vítima afirmou que não encontrou seu celular LG K9 e que provavelmente o referido homem acabou levando.

Diante dos fatos, a equipe orientou a vítima e fez buscas no intuito de localizar o autor, porém, não obteve êxito.

AMEAÇA/ FURTO SIMPLES/ RESISTÊNCIA/ DESOBEDIÊNCIA/ DESACATO

No domingo, dia 07 de novembro de 2021, em continuidade ao boletim de ameaça registrada anteriormente, a equipe em continuidade as buscas pelo autor, encontrou o mesmo bebendo em um bar. O mesmo foi abordado e no bolso direito de sua calça, foi encontrado o celular LG K9 da vítima, o qual o mesmo teria furtado da residência da sua ex-convivente.

O autor em estado de embriaguez, sendo odor etílico, olhos vermelhos e falante. Foi entrado em contato novamente com a vítima, esta afirmou a equipe que autor teria colocado um facão em seu pescoço e ameaçado lhe matar e matar os seus filhos, se a mesma chamasse a polícia e, que temia por sua vida.

Assim, foi questionado o autor quanto ao local onde estaria o facão e o mesmo afirmou estar na casa de seu irmão. O mesmo se mostrou colaborativo em entregar o objeto a equipe.

Diante disso, o mesmo foi conduzido até o local, sem o uso de algemas. No local, na presença da família, o autor começou a desacatar a equipe policial. Neste momento foi verbalizado com o mesmo sendo que o mesmo avançou contra a equipe, dando murros e chutes, sendo necessário o uso de técnicas de defesa pessoal e imobilização para conter as agressões.

O mesmo foi algemado com sucesso e colocado no camburão da viatura, devido estar extremamente agressivo. O facão não foi localizado. A equipe então conduziu o mesmo para a confecção do laudo de lesões corporais no posto de saúde, sendo que dos fatos envolvendo a ocorrência, não resultaram em lesões em nenhum dos envolvidos.

A vítima foi conduzida também para a confecção do laudo, e optou por representar contra os atos do mesmo, como também requer as devidas medidas protetivas de urgência.

Sendo assim, todos os envolvidos foram encaminhados para a Delegacia de Laranjeiras do Sul, juntamente com o aparelho celular recuperado.

Consta ainda que durante a confecção do boletim, o autor ameaçou a equipe policial.